Nenhuma Ocorrência de Destaque no Momento + Pré-Temporada + Lucas Kevin e a Copinha

Tempo de leitura: 3 minutos

cruzeiro-pre-temporada-2014-uma-cerveja-por-favor

Olá amigos!

Hoje o post está saindo mais lento que o dia do Cruzeiro. Nenhuma ocorrência de destaque no momento, como dizem. Após um dia agitado ontem, com definições de jogadores chegando, jogadores indo embora, definição de jogador que ficou indefinido, a loucura do Palmeiras em querer contratar nossos piores jogadores, não sobrou nada pra hoje. Acho que o Cruzeiro precisa espalhar melhor a agitação durante a semana.

A conversa do dia é pré-temporada. William fala sobre isso, Henrique fala sobre isso. E o que esses dois jogadores tem em comum? Chegaram no meio do ano e não puderam se preparar para a temporada como o restante da equipe. E todos sabemos como a pré-temporada é importante. Condiciona melhor o jogador, dá um entrosamento mais rápido, e define os titulares da equipe para os primeiros jogos.

Apesar de não estar no Cruzeiro desde o começo, William foi uma peça chave para nosso título, entrando muito bem na equipe e desempenhando um papel muito importante. Gosto de tocar sempre nessa tecla. William não apenas atacava, voltava muito para a defesa e ajudava demais na marcação. Mas ao final da temporada acabou se cansando, e até perdendo o lugar temporariamente para Dagoberto. Ele diz:

Minha última pré-temporada foi no Corinthians. Depois fiz uma pré-temporada na Ucrânia. Na verdade, duas, porque o calendário lá é diferente. É importantíssimo. Agora, vou começar com o grupo, ano passado cheguei no meio da temporada. Vou fazer todo o trabalho específico, de força, de corrida. Vou me dedicar ao máximo para dar sequência ao meu trabalho, como terminei no ano passado.

Acho que, com uma pré-temporada bem feita, William vai voltar a ser titular e dar muito trabalho para Dagoberto. Para mim, ele foi um dos principais responsáveis pela arrancada para o título, junto com Éverton Ribeiro, Fábio e Dedé.

Outro que quer dar trabalho para os titulares é Henrique. O volante, que já foi incontestável aqui no Cruzeiro, pouco jogou em 2013, por conta de lesões e ter chegado com o campeonato em andamento. E para ele a pré-temporada pode mudar esse quadro.

Eu fui um dos que estava sonhando com a pré-temporada. Nós, atletas, sabemos da importância que uma pré-temporada faz para a gente. É ela que nos dá força, então até sonhava em estar na pré-temporada.

Quando um jogador sonha com pré-temporada, a vida dele está muito parada ou ele quer realmente jogar, ser titular. É uma boa atitude, vai ser mais um daqueles entrando querendo provar seu valor.

Com várias competições, acho que vai ter um momento em que vai ter revezamento dos atletas e, são nessas oportunidades que cada jogador mostra o seu valor. Todos têm que estar preparados para quando oportunidades aparecerem.

Eu gosto muito do Henrique, achava que ele voltaria pra ser titular tranquilamente. Fiquei surpreso com a ascensão do Lucas Silva. O melhor de ter vários bons jogadores para cada posição é que o Cruzeiro pode revezar, se alguém machucar não sofremos muito, e vimos que um elenco forte e recheado é uma das chaves para vencer. Então espero que Henrique tenha suas oportunidades e mostre aquele bom futebol de 2009 e 2010.

Além disso não tem muita coisa acontecendo. O Cruzeiro está disputando a copinha, venceu a primeira partida por 8 x 0 e tem mais um jogo hoje, contra a(o?) Itabaiana. Já é alguma coisa. Vamos ficar ligados em Lucas Kevin, o goleador. O rapaz fez tipo 300 gols na primeira partida, e roubou as atenções que eram todas de Emerson Carioca, que pra mim era a maior promessa dessa equipe, junto com Eurico e Bruno “Ramires” Edgard.

Não me siga

Michael Renzetti

Não sei nada sobre táticas, sobre jogadores, sobre times - bom, na verdade eu acho que não sei nada sobre futebol. Mas eu gosto de opinar.
Não me siga